A Fisioterapia no Tratamento das Dores de Cabeça

A Fisioterapia também atua como forma preventiva de dores. Pacientes que procuram atendimento a cada 15 dias, ou pelo menos uma vez por mês, relatam diminuição da frequência de dores no corpo em geral e maior relaxamento durante a realização de suas atividades diárias.
A cefaleia (dor de cabeça) é um mal muito comum que acomete grande parte da população brasileira, colocando o país entre as cinco primeiras colocações na lista de incidência de dor de cabeça. A boa notícia é que quase 90% das cefaleias não são de origem orgânica (enxaquecas, por exemplo), sendo que boa parte das não orgânicas tem um bom prognóstico de cura. A Fisioterapia atua no tratamento das dores de cabeça de origem tensional, causadas por uma contração excessiva e mantida dos grupos musculares de cabeça, pescoço, ombro e até mesmo os músculos da face.

TRATAMENTO
O tratamento fisioterápico imediato consiste em identificar essas tensões e aliviá-las com utilização, por exemplo, da Osteopatia, a qual, nesse caso, consiste de terapia manual, alongamento e inibição da musculatura tensionada, levando o paciente a um alívio instantâneo e ajudando também a melhorar a insônia. Além desse trabalho específico da musculatura envolvida, podemos aliar também um trabalho de alongamento do corpo como um todo (como faz o RPG, por exemplo), já que nossos grupos musculares são todos interligados. Dentre as causas da dor de cabeça, as mais comuns são: a má-alimentação, insônia, estresse, ansiedade e sedentarismo. Portanto, se faz útil não só tratar a dor com a Fisioterapia, mas também levar uma vida mais saudável. Aqui vão umas dicas de como colocar mais saúde em sua vida:

Procure ter uma alimentação balanceada e não pule refeições. Os nutricionistas advertem que tanto o excesso quanto a falta do alimento prejudicam sua saúde.
Tente não se estressar com problemas pequenos, pois é sabido que o estresse é uma das grandes causas da tensão muscular.
Se você é adepto (a) de levar o laptop para a cama, lembre-se que, além de ele atrapalhar seu sono, ele também tende a tencionar a musculatura da cabeça.
Pratique exercícios. O exercício físico não só ajuda a prevenir doenças cardiovasculares, como também ajuda o corpo a liberar endorfina e serotonina, hormônios que levam ao bem-estar, relaxando as tensões musculares. Não deixe de praticar atividades aeróbicas (caminhadas, corridas, danças, etc.), assim como atividades que fortaleçam sua musculatura de maneira harmônica e funcional (como o Pilates, por exemplo).
A Fisioterapia também atua como forma preventiva de dores. Pacientes que procuram atendimento a cada 15 dias, ou pelo menos uma vez por mês, relatam diminuição da frequência de dores no corpo em geral e maior relaxamento durante a realização de suas atividades diárias.

 

Fonte: Fisioterapia

Deixe uma resposta