Radiofrequência – Hooke Ibramed


ORIGEM

A radiofreqüência HOOKE recebeu este nome em homenagem ao físico inglês Robert Hooke,
que publicou em 1676 a Lei de elasticidade ou Lei de Hooke.
O colágeno é uma das proteínas mais abundantes do nosso corpo e é responsável pela forma estrutural de diversos
órgãos incluindo a pele e tela subcutânea.
As fibras de colágeno são constituídas por uma tripla hélice de proteínas que ao serem aquecidas a uma temperatura
correta por um determinado tempo pela radiofreqüência sofrem uma deformação e espessamento denominado “termocontração do colágeno”.

INDICAÇÕES

O HOOKE é indicado para o tratamento de várias condições estéticas, especialmente, rugas e flacidez de pele, bem como no tratamento da celulite e da gordura localizada. Trata-se de técnica não invasiva, sem efeito sistêmico, não causa dependência e não tem efeitos colaterais indesejáveis.

EFEITOS TERAPÊUTICOS – APLICADORES

 

O HOOKE emprega dois mecanismos de aquecimento induzido nos tecidos biológicos, ambos usados para aplicações cutâneas: o aplicador bipolar para uma aplicação superficial (até 4 mm de profundidade) e o aplicador monopolar para uma penetração volumétrica mais profunda (15 a 20 mm de profundidade).

1. Movimento rotacional das moléculas de água (dipolo) no campo eletromagnético alternado (monopolar);

2. Resistência dos tecidos a condução do campo eletromagnético da radiofreqüência (bipolar).

A energia emitida pelos aplicadores do HOOKE converte-se em calor, principalmente pelo aumento da cinética das moléculas de água do tecido, em conseqüência, a energia se dispersa para volumes tridimensionais de tecido em profundidades controladas. A temperatura de 57-61°C é freqüentemente descrita como a temperatura de retração do colágeno em que a quantidade de contração é determinada por uma combinação de tempo e temperatura. A combinação ótima entre tempo e temperatura deve ser escolhida privilegiando a proteção máxima da epiderme. O HOOKE apresenta um aplicador de resfriamento (cooling) que permite uma ação mais confortável e efetiva, pois atua como mecanismo de cuidado com a epiderme. A temperatura superficial da pele, avaliada constantemente por um termômetro infravermelho (IR), deve ser mantida entre 40 a 42°C.

Efeitos imediatos do HOOKE na pele (aplicador bipolar):

A pele possui uma base de sustentação formada por fibras de colágeno e elastina que determina o seu grau de firmeza e elasticidade, a qual diminui progressivamente com o envelhecimento, formando as rugas e deixando a pele com um aspecto flácido. As fibras de colágeno são constituídas por uma tripla hélice de proteínas, o aquecimento desta estrutura com uma temperatura correta por um determinado tempo pode induzir a imediata contração do tecido e seu espessamento. Esse efeito é resultado da “termocontração do colágeno”. A capacidade de retração do colágeno com a energia térmica não se trata de um conceito novo na área médica e é extremamente atraente quando ocorre com mínimo ou nenhum dano epidérmico. Isso acarreta uma suavização de rugas e linhas de expressão, além de ser um poderoso auxiliar no tratamento da flacidez de pele, inclusive pós-lipoaspiração. Assim a contração imediata do colágeno pode ser induzida pelo HOOKE visando o rejuvenescimento, tratamento de flacidez de pele ou outros sinais de envelhecimento facial ou corporal.

A – Representação esquemática da estrutura em tripla hélice do colágeno;

B – Contração do colágeno promovido pelo calor transformando-se em uma estrutura em forma de bobina amorfa.

Efeitos imediatos do HOOKE no tratamento da celulite e da gordura localizada (aplicador monopolar):

O tratamento com o HOOKE promove mudanças na estrutura do colágeno causando alterações morfológicas do septo de tecido conjuntivo que contém as células de gordura. O aumento da temperatura local gera a ativação do fluxo sanguíneo, interferindo positivamente, favorecendo a lipólise e a drenagem. O HOOKE proporciona um efeito de contração volumétrica da área tratada (redução de medidas) na maioria dos pacientes

Efeitos do HOOKE na pele, celulite e gordura localizada a médio e longo prazo:

Os efeitos terapêuticos do HOOKE são de dupla natureza: inicialmente provoca uma imediata contração do colágeno, em seguida acontece o disparo de uma cascata de sinalização envolvendo mediadores do processo inflamatório e de reparo e de regeneração tecidual em resposta à leve lesão térmica mediada. Esse mecanismo envolve deposição e remodelação do colágeno (neocolagênese) assim como da elastina (neoelastogênese) que pode perdurar ao longo de meses. Este processo, ao reestrutura a pele e tecido subcutâneo, deixa a aparência mais firme e lisa.

Priscila Gonçalves

Fisioterapeuta – Shopfisio

Crefito/3 – 119066-F

 

One comment on “Radiofrequência – Hooke Ibramed

  1. -

    […] Se deseja saber mais informações sobre o aparelho HOOKE, leia a matéria especial em nosso blog, clicando aqui. […]

Deixe uma resposta