Eczema: o que é, causas, tipos e prevenção

Você sabe o que é eczema? Ou melhor teve uma descamação de pele e não entendeu porque apareceu? Principalmente nos cotovelos, mãos e dedos!! Bom, esses são os lugares preferidos para o eczema surgir.

Talvez você precise procurar um tratamento dermatológico depois de ler nossa matéria. Mas, primeiro saiba tudo sobre essa doença de pele e suas variações. Olhe as fotos e compare com o que teve ou tem na pele.

Leia até o final!

O que é um eczema de pele?

O eczema é uma doença de pele causada pela inflamação ou irritação. Também é conhecida como dermatite e faz parte das doenças dermatológicas. Portanto, deve ser investigada por um médico especialista em pele, o dermatologista.

Estima-se que 1 a cada 3 pessoas que se consultam no dermatologista tratam a dermatite. Sabia que esse problema é comum em crianças e bebês? Cerca de 20% dessa faixa etária possuí eczema. Mas nos adultos a doença é menos frequente, porém comum para algumas pessoas, pois o eczema costuma aparecer em situações de frio, alergia de contato e estresse.

O que pode causar eczema?

O eczema possui causa desconhecida, mas é descrito como uma doença autoimune na literatura, pode ter influências de fatores ambientais e genéticos.

No caso da dermatite de contato, sabemos que a combinação da pele mais alguma substância irritante pode desencadear a reação alérgica. Por exemplo: contato com hena, brincos, látex e bijuterias.

Quais são os tipos?

Existem 6 tipos de eczemas, classificados em:

  1. Dermatite de estase
  2. Dermatite seborreica
  3. Eczema numular
  4. Eczema disidrótico
  5. Dermatite de contato
  6. Dermatite atópica ou eczema tópico

Dermatite de estase

Causada pela insuficiência venosa ou má circulação dos membros inferiores, geralmente existem diversas causas responsáveis por essa doença, porém, as varizes estão entre as principais responsáveis.

Os sintomas desse tipo de eczema incluem: dor, inchaço das pernas, vermelhidão e coceira.

Dermatite de estase

Dermatite seborreia

dermatite-seborreica

Essa é uma doença de pele conhecida como caspa, mas consiste na inflamação crônica da pele. De forma que as lesões surgem por causa da oleosidade do couro cabelo ou oleosidade do local que a dermatite esta instalada.

Embora, a dermatite seborreia seja atribuída a oleosidade da pele, isso é apenas uma teoria, os cientistas acreditam que oleosidade cria o ambiente para o desenvolvimento dos fungos malassezias e por isso, a dermatite é desencadeada.

Sintomas: coceira, descamação da pele e placas vermelhas.

Eczema numular

Conhecido também como eczema discoide, essa doença de pele aparece na forma circular, pode varia de 1 a 10 cm de diâmetro as manchas. Os pacientes mais afetados por essa doença são indivíduos com mais de 50 anos.

Os fatores que podem desencadear o eczema numular são totalmente desconhecidos, mas acredita-se que a oleosidade e o ressecamento da pele possa contribuir para o surgimento das feridas.

Sintomas: ferida circular, coceira, atinge mãos e tronco.

Eczema disidrótico

Eczema disidrótico

Esse eczema provoca bolhas com prurido na planta dos pés e nas mãos, também surge a descamação da pele. Porém, o problema se resolve entre 3 a 4 semanas após as bolhas aparecerem.

Não existem causa definida para essa doença, mas algumas pesquisas evidenciam os fatores de riscos comuns, como:

  • Exposição demasiada ao sol
  • Estresse ou esgotamento emocional
  • HIV
  • Fumo
  • Suor excessivo
  • Micose
  • Exposição a agentes irritantes da pele
  • Genética e alergia
  • Histórico familiar para dermatite atópica
  • Exposição a cobalto

Dermatite de contato

Essa dermatite surge pela irritação da pele ao contato, o nome é sugestivo para a doença. Cerca de 80 % dos casos de dermatite são pelo contato com substância ou superfícies que irritam a pele. Apenas 20% surge por alergia.

É possível que a pessoa desenvolva irritação por: produtos químicos, detergentes, álcool, ácido, metal, borracha, látex, plástico ou qualquer substância que irrite a pele.

dermatite de contato - eczema

Sintomas: coceira, vermelhidão e descamação da pele. O tratamento para esse tipo de dermatite é simples, o paciente não pode encostar no que irrita ou provoca a reação alérgica.

Dermatite atópica

A dermatite atópica é conhecida como eczema atópico, esse é o tipo mais comum que existe, geralmente presente em crianças e bebês. Essa doença surge por uma deficiência de proteína.

Os sintomas mais comuns são: coceira, vermelhidão, pele seca e descamação.

A dermatite atópica aparece nos cotovelos, joelhos e articulações, esse problema de pele é frequente em adultos também. Geralmente em alterações de temperaturas, como: frio, calor ou estresse, a dermatite pode aparecer nos adultos.

Também é comum que a dermatite atópica aconteça quando a pessoa encosta em produtos de limpeza ou químicos.

Infelizmente não existe tratamento para essa doença, os médicos recomendam hidratação e a eliminação dos fatores que desencadeiam a dermatite.

Quanto tempo dura um eczema?

Se for de contato pode durar o tempo que o fator desencadeante estiver em contato com sua pele.

Para a fase inicial de qualquer dermatite, onde ocorre vermelhidão, descamação e bolhas, o tempo médio para o problema se resolver é de 2 meses.

Para a fase crônica que atinge áreas especificas do corpo, como: mãos, pés, cotovelos, joelhos, cabeça, pernas e braços, podem aparecer recorrentemente nas pessoas, principalmente porque a dermatite esta relacionada aos fatores emocionais.

O que é bom para eczema?

O médico dermatologista deve investigar a doença e pode sugerir tratamentos de pele comuns, como Luz Ultravioleta ou fototerapia para melhorar o aspecto da pele. Abaixo um dos tratamentos mais utilizados para pele: caneta de LED.

Caneta de LED para pele

Existem diversas canetas de LED para tratar a pele, como, por exemplo:

  • Caneta Verde 530nm 
  • Caneta Azul 470nm
  • Caneta Infravermelho 850nm
  • Caneta Vermelho 630nm
  • Caneta Infravermelho 808nm 

A luz de LED possui variações para pele e consegue atuar na renovação celular sem agredi-la. A Luz azul tem função bactericida, a luz amarela melhora as fibras de colágeno e elastina.

Já a luz vermelha aumenta a produção de colágeno e manchas. A luz verde é utilizada para inibir melanina e manchas escuras. Enfim cada luz de LED ajuda em uma função, sendo que o profissional deve escolher a melhor LUZ de LED para cada caso.

O LED pode ser combinado com outras técnicas para tratar a pele de forma eficiente ou ser utilizado de forma isolada, depende da abordagem do profissional.

dermatite tratamento

O médico pode optar pelo uso de corticoides e medicamentos para controlar o sistema imunológico, afinal o eczema pode ser autoimune.

Também é recomendado que a pele seja sempre hidratada.

Laserterapia no tratamento de Eczema

Laserterapia é um dos melhores tratamentos para eczema, pois conseguem normalizar a microbiota cutânea e lesões da pele. 

A faixa de 308 nm é indicada para dermatose, segundo artigos científico, 308 nm na laserterapia consegue remover camadas danificadas da pele sem afetar a camada saudável. Especialmente para atingir a bactéria Staphylococcus aureus, a responsável pelo eczema atópico ou dermatite atópica.

Que tipo de pomada posso usar em eczema?

Geralmente os médicos prescrevem pomadas de crisaborole. O paciente deve aplicar uma camada “fina” durante 2 x ao dia por até 4 semanas. Mas, é importante ressaltar que casos mais leves são tratados com pomadas, o médico é quem determina a gravidade da lesão e a melhor abordagem.

Como se prevenir de um eczema?

É possível prevenir a doença no caso das alergias e irritações de pele. Por exemplo, algumas pessoas sabem exatamente o que causam as erupções cutâneas e a descamação, por isso encontram medidas preventivas, como:

  • Usar travesseiros de fibra
  • Remover tecidos e tapeçaria (eliminar os ácaros)
  • Usar circuladores de ar e filtros para eliminar ambientes úmidos/mofo
  • Eliminar qualquer tipo de estresse emocional

As doenças autoimunes estão presentes em pacientes deprimidos, infelizes e ansiosos. Por isso, procure investigar esse fator para que suas descamações de pele ou erupções melhorem.

Por fim, lembre-se de passar por um médico especialista para procurar um tratamento. Observe se você está emocionalmente equilibrado ou desgastado, afinal o eczema é autoimune, isso significa que seu próprio corpo começará a te atacar e os fatores emocionais contribuem para isso.

Gostou do que leu sobre eczema? Compartilhe com quem precisa saber, não deixe de aproveitar nosso CUPOM 30BLOG na Shopfisio.