Você já ouviu falar em lipo sem cortes?

Se sim, também já ouviu sobre lipocavitação. Essa que é considerada uma das tendências do momento, tem feito a cabeça e o abdômen (além de outras áreas) de muita gente.

Quer saber como o procedimento funciona? Então, venha com a gente e boa leitura!

O que é a lipocavitação?

Conhecida como lipo sem cortes, a lipocavitação (também nomeada como cavitação ou ultracavitação) é um dos tratamentos utilizados para eliminar gordura localizada com menor sofrimento e efeitos colaterais.

O procedimento é feito com a utilização de um aparelho de ultrassom que consegue destruir a gordura localizada acumulada.

A lipocavitação é um tratamento não invasivo para redução de medidas corporais e tratamentos de celulite, que apresenta resultados mensuráveis logo nas primeiras sessões.

O processo age diretamente nas células adiposas, utilizando uma tecnologia baseada em Ultrassom Cavitacional, ou seja, um aparelho que emite ondas com freqüência muito baixa.

Por que a lipocavitação é uma lipo menos invasiva?

Os procedimentos invasivos são aqueles em que o paciente precisa passar por procedimentos cirúrgicos e cheios de detalhes. Pré-operatório, consulta com anestesista etc. Eles, como a própria palavra diz, invadem seu corpo.

A lipocavitação, por outro lado, não faz nada disso. Como usa um tipo de ultrassom, ela auxilia na redução de medidas sem que você precise ser cortado ou passar por processos dolorosos depois do procedimento. Legal, não é?

Como funciona a lipocavitação: a lipo sem cortes?

Inicialmente, aplica-se um gel na pele da cliente. Com a utilização do aparelho de ultrassom, uma onda sonora é emitida e é capaz de chegar às células de gordura (mais conhecidas como adipócitos). Isso causa a queima da gordura em um efeito parecido como um terremoto para essas células.

O ultrassom cavitacional converte uma quantidade pré-determinada de ultrassom em pressão, o que leva a uma destruição mecânica das membranas das células gordurosas, enquanto que tecidos adjacentes, incluindo vasos sanguíneos, nervos e tecidos conectivos permanecem inalterados.

Essa agitação é chamada de cavitação. Ela causa danos físicos nas células de gordura. Com isso, elas se quebram e seu conteúdo é liberado.

As ondas produzidas desestabilizam as bolhas criadas, processo chamado de cavitação instável, que faz as bolhas expandirem e contraírem conforme o pico de pressão. Esse processo irá romper a membrana celular dos adipócitos e reduzirá seu número.

Uma parte da gordura liberada pelo procedimento irá para o sistema linfático e será eliminada com a realização de exercícios físicos ou drenagem linfática.

A outra parte que é absorvida pela corrente sanguínea e têm dois fins, um deles é ser colocada novamente nos adipócitos e o outro é ser usada na produção de energia, mas para que essa gordura não fique depositada no organismo deve-se ingerir o mínimo de gorduras e hidratos de carbono, de modo que o próprio organismo utilize a gordura liberada com o procedimento e a realização de exercícios físicos.

O glicerol das células é convertido em água, sendo liberada pelo organismo. Já o ácido graxo é reaproveitado pelo corpo como fonte de energia.

Quais são as regiões em que a lipocavitação é realizada?

A lipocavitação pode ser feita em diversas áreas, como:

  • abdome;
  • culote;
  • flancos;
  • gordurinha do sutiã;
  • parte interna e posterior da coxa.

Quais são as contraindicações à lipocavitação?

Quem não deve realizar o procedimento:

  • gestantes;
  • diabéticos;
  • hipertensos;
  • obesos;
  • portadores de doenças celíacas;
  • quem possui colesterol alto ou processo de inflamação na área a ser tratada.

O que a ciência diz sobre a lipocavitação?

Os estudos científicos têm demonstrado a eficácia da lipocavitação.

Em dezembro de 2018, a doutora em Biomedicina Assis concluiu em seu estudo que a lipocavitação “ajuda na eliminação de gordura localizada e pode ser feita em homens e mulheres“. 

Já Fabiana Rebelo, mostrou que a lipocavitação mantêm a preservação “das outras estruturas teciduais como microvasos, nervos e o sistema linfático“.

Por fim, Petraglia demonstrou em seu estudo que “a análise estatística, de modo geral, apresentou relevância significativa nas aferições da região infra abdominal.

A lipocavitação dói?

Embora a sensibilidade seja pessoal, o procedimento é considerado como indolor e tranquilo.

Quem já fez a lipo sem cortes?

Diversas pessoas conhecidas já fizeram a ultracavitação. Veja agora algumas:

Bianca Salgueiro

Bianca Salgueiro - lipocavitação

Rayanne Morais

Rayanne Morais fazendo lipocavitação

Outros nomes

Evelyn Castro foi mais uma que fez a ultracavitação, em busca de mais saúde e estética.

Quantas sessões devem ser aplicadas?

Para que um resultado satisfatório apareça, a média de sessões é de 8 a 10.

Qual valor médio para as sessões de lipocavitação?

O valor de cada sessão varia entre 150 e 350 reais. A duração média é de 60 minutos.

Como potencializar a lipocavitação?

Para potencializar os resultados, recomenda-se aliar o procedimento à drenagem linfática. É possível, inclusive, encontrar pacotes em que ela já esteja incluída.

Prepare-se! Chegou o revolucionário método para acabar de vez com a gordura localizada!

Quais cuidados tomar antes de começar a realizar os procedimentos de lipocavitação?

Antes de iniciar este procedimento estético, devemos tomar alguns cuidados:

  • descubra quais são os objetivos do paciente, bem como quais áreas serão tratadas e o percentual de godrua;
  • veja se o paciente tem condições para receber as aplicações de ultrassons;
  • informe quantas sessões são previstas e qual o tempo gasto em cada uma delas;
  • informe ao paciente de que não se deve ingerir álcool por 24 horas antes do tratamento, além de uma dieta líquida de 4 dias antes da lipocavitação.

Como obter melhores resultados com a lipo sem cortes?

Para que o resultado seja satisfatório, é essencial fazer exercícios até 48 horas após a sessão ou uma drenagem linfática até 24 horas após a sessão, para evitar que a gordura liberada acumule no fígado ou em áreas indesejadas.

Qual é o antes e o depois da lipocavitação?

Quem deseja realizar o procedimento deve procurar pelas mais variadas experiências de pessoas que já realizaram e pode contar como é o antes e o depois da lipocavitação.

Quais são os melhores aparelhos do mercado?

O Sonofocus é um dos melhores aparelhos do mercado. É um aparelho de Ultrassom Cavitacional Focalizado, sendo o único que possui um transdutor côncavo que estimula a destruição completa do adipócito, através do ponto focal e também trabalha com freqüência de 1,8 MHz, modulado em baixa frequência de 31KHz, o que fornece maior segurança ao paciente pois atinge somente a camada adiposa.

Legal fazer uma lipo sem cortes, não é mesmo? Isso proporciona melhor recuperação para os pacientes, já que o procedimento é menos invasivo. 

Agora que você viu como a lipocavitação traz resultados interessantes, é hora de pesquisar quais são os modelos mais interessantes para sua clínica.

E você encontra todos na Shopfisio. Para ajudar, você ganhará um presente.

whatsapp da shopfisio

Comentários