Saiba tudo sobre a Magnetoterapia e seus Benefícios

Você sabe o que é magnetoterapia?

A magnetoterapia explora os principais benefícios de campos eletromagnéticos para fins curativos e de reabilitação.

Para você entender tudo sobre o tema, preparamos um artigo super completo, abordando os principais assuntos.

Quer saber mais? Então, venha com a gente!

O que é um campo magnético?

De maneira bem sucinta, um campo magnético pode ser qualificado como um pedaço do espaço onde atuam as forças magnéticas geradas por um ímã, corrente elétrica ou até mesmo um campo elétrico que pode variar de acordo com o tempo.

Quando o campo magnético é aplicado diretamente no corpo humano, o magnetismo pode reestabelecer o equilíbrio bioquímico das células e restaurar a funcionalidade da membrana celular. A carga elétrica que nossas células possuem perdem forças quando estamos doentes, com dor ou com algum tipo de inflamação. Por isso, os impulsos eletromagnéticos fazem a repolarização da membrana celular, restaurando o funcionamento fisiológico e o equilíbrio da energia.

O que é a magnetoterapia?

A magnetoterapia é uma terapia que utiliza campos magnéticos. Os praticantes dessa terapia dizem que o tratamento com ímãs pode reestabelecer o equilíbrio eletromagnético do corpo. Desas forma, o ímã criará um campo eletromagnético e esse campo é responsável por:

  • Aumentar a circulação sanguínea no local aplicado
  • Diminui as dores e inflamações
  • Favorecer a cura autocura de forma natural.

Funciona?

Embora algumas evidências cientificas antigas não comprovem a eficiência da terapia com ímãs. Um estudo recente, 2018, publicado no Open Journal Solutions comprova a eficiência da técnica em 15 idosos testados. No estudo em questão, a magnetoterapia funcionou para o alívio das dores musculoesqueléticas, alguns dos pacientes desse estudo também relataram alívio total da dor.

aparelho de magnetoterapia

Indicações

A principal indicação é para o equilíbrio homeostático, ou seja, favorecer a autocura do paciente sem medicamentos, essa é uma técnica natural, de baixo custo e atua principalmente em doenças crônicas, como artrite. Alguns dos alívios que a magnetoterapia gera são:

  • Diminuir dores ou trata-las
  • Reduzir inflamação
  • Cicatrização
  • Preveni infeção
  • Restaurar os níveis de energia
  • Estimular o processo metabólico de toxinas

Quais são os tipos de Terapia Magnética?

A magnetoterapia pode ser aplicada em todas as doenças que são caracterizadas por dor, inflamação ou que causam um déficit funcional vascular. Assim, existem três tipos de magnetoterapia:

  • Estática
  • Baixa Frequência
  • Alta Frequência

Entenda como funciona cada tipo de magnetoterapia uma abaixo!

Magnetoterapia Estática

Esta consiste em aplicar sobre a pele do local tratado um ou mais ímãs. É extremamente eficiente em casos de dores localizadas, reumáticas ou originárias de cansaço e, até mesmo, má circulação. É uma das maneiras mais simples de aplicar o tratamento.

Magnetoterapia de Baixa Frequência

O tratamento de baixa frequência gera campos magnéticos variáveis que podem oscilar entre 10 e 200 Hz, é indicado para potencializar a regeneração de tecidos.

Magnetoterapia de Alta Frequência

No caso da magnetoterapia de rádio (alta frequência) o campo gerado pode atingir alguns milhões de hertz (18-900 MHz). Estas frequências são indicadas para tratamentos de processos dolorosos e inflamações.

Quais são as áreas de atuação da magnetoterapia?

As principais áreas de atuação são a fisioterapia e a veterinária. Este campo gerado por um ímã atua, principalmente, nos sistemas ósseos, articulares, musculares e vasculares, veja as ações curativas do procedimento de magnetoterapia:

  • Resistência e mineralização óssea
  • Acelera a calcificação das fraturas
  • Aumenta o fluxo vascular e a velocidade do fluxo sanguíneo
  • Melhora a circulação periférica
  • Acelera a cicatrização de feridas, úlceras, e a cura dos tecidos moles
  • Melhora o metabolismo da pele
  • Ação antienvelhecimento dos tecidos

Como a magnetoterapia ajuda no tratamento de doenças?

Atua de forma coadjuvante em tratamentos de doenças inflamatórias, reumáticas, articulares e em todos os tipos de úlceras, sejam externas ou internas, veja alguns outros casos em que pode se aplicar a magnetoterapia:

  • Torções musculares e de tendão
  • Dor lombar
  • Hérnia de disco
  • Edema
  • Epicondilite (cotovelo do tenista)
  • Varizes
  • Úlceras de decúbito
  • Artrite
  • Formigamento das mãos
  • Inflamação do túnel do carpo
  • Artrose
  • Osteoporose
  • Doenças reumáticas
  • Dores musculares

Quais são as principais vantagens da Magnetoterapia?

Quando analisamos a magnetoterapia junto aos tratamentos convencionais separamos algumas das principais vantagens:

  • Não invasiva
  • Não introduz nenhum tipo de elemento no organismo
  • Não tem nenhum efeito secundário
  • Não causa nenhum tipo de dor ou desconforto

Quais são as contraindicações?

Algumas pessoas devem evitar realizar os procedimentos, como:

  • Marcapasso;
  • Teve aplicação na região precordial;
  • Possui tumores em alguma região do corpo;
  • Gestantes ou lactantes;
  • Tem implantes metálicos.
  • Micoses
  • Cardiopatas
  • Hipertireoidismo
  • Período menstrual
  • Hemorragias ou feridas sangrando
  • Infecção
  • Trombose venosa

Quem deve aplicar a magnoterapia?

Os fisioterapeutas são os profissionais que realizam o procedimento e os veterinários. Mas, o enfermeiro pode aplicar em pacientes que enfrentem úlceras ou feridas abertas.

Quantas sessões devem ser realizadas?

Para indicar quantas sessões são indicadas e o melhor intervalo entre elas, é necessário consultar com o profissional que executará a técnica.

Qual o melhor aparelho de magnoterapia?

Um dos melhores aparelhos de magnoterapia no mercado é o Mag 3T da Cecbra. Ele é um aparelho de baixa frequência, compacto e com design clean. Além de tudo isso, é fácil de ser manuseado.

O Mag 3 tem um campo magnético de alta intensidade e de baixa frequência, com todos os protocolos já definidos. Dessa forma, quem o opera tem maior agilidade para fazer os mais variados tratamentos. É importante avisar sobre a tecnologia de um aparelho de magnetoterapia, pois o campo eletromagnético produzido deve ser pulsado de alta intensidade e baixa frequência. Não caia em falsas promessas da magnoterapia, procure um aparelho que tenha:

  • Registro na ANVISA
  • Certificações de qualidade ISO

Dessa forma, você terá um tratamento seguro e eficiente com o aparelho de magnoterapia. Como falamos, um aparelho de magnoterapia serve para diversas áreas da fisioterapia, reumatologia e veterinária.

Agora que você já sabe tudo sobre magnoterapia, está na hora de consultar nossos itens na Shopfisio. Confira agora!

[button link=”http://www.shopfisio.com.br/aparelhos-eletroterapia/magnetoterapia” type=”big” newwindow=”yes”] CONFIRA TODAS AS OPÇÕES DE MAGNETOTERAPIA DISPONÍVEIS NA SHOPFISIO[/button]