Mesmo tomando cuidados, nem sempre é possível fugir de uma queimadura, não é mesmo?

Por isso, é necessário saber rapidamente o que fazer nesses casos e evitar problemas maiores no futuro, como infecções e cicatrizes.

Pensando nisso, nós desenvolvemos um manual com tudo que você precisa fazer para curar, tratar e evitar manchas de queimadura.

Quer saber tudo? Então, venha com a gente.

Quais são os primeiros procedimentos após uma queimadura?

Veja quais são os primeiros socorros para uma pele queimada.

1. Lavar a queimadura com água fria

Logo após a queimadura, coloque o local ferido em água fria e corrente por alguns minutos. Com isso, a temperatura da pele abaixará e impedirá que alcance novas camadas da pele, diminuindo a profundidade do dano.

2. Faça um curativo

Quando há formação de bolhas ou feridas, é necessário fazer um curativo ou gaze (ou outro material parecido), fazendo a troca após cada banho até que a cicatrização já tenha acontecido.

Com isso, você sentirá menos dor e verá que a reconstrução da pele ficará mais fácil.

3. Não mexa nas bolhas ou crostas

Se você tiver bolhas ou crostas, não retire-as. Elas existem para proteger sua pele de infecções, além de impedir a formação de cicatrizes e manchas.

4. Passe hidratantes

Uma pele hidratada se recupera mais rápido. Algumas opções interessantes são:

  • hidratantes à base de ureia;
  • vitamina C;
  • ácido hialurônico;
  • óleos de semente de uva ou óleo de amêndoas;
  • cremes para assadura (como Hipoglós e Bepantol), pois já possuem vitaminas e hidratantes.

Eles devem ser utilizados após o banho.

Como não manchar a pele após uma queimadura?

As queimaduras podem provocar manchas na pele dependendo das camadas de pele afetadas e do processo de cicatrização da pele. Assim, quanto mais grave for a queimadura, maiores são as chances de surgirem marcas.

Porém, existem 3 dicas simples que, após o tratamento da queimadura, ajudam a evitar o surgimento de manchas escuras na pele.

1. Evitar locais quentes e fontes de calor 

Evite fontes de calorcomo entrar em carros quentes expostos ao sol, fazer sauna, ir à praia ou cozinhar no forno, por exemplo, pois essa fonte de calor é provocada pela radiação infravermelha e pode manchar a pele.

2. Passar protetor solar

Passe protetor solar sobre a mancha da queimadura de 2 em 2 horas, durante 6 meses.

3. Evitar fontes de raios ultravioleta

Evite todos os tipos de raios ultravioleta como exposição solar, luzes fluorescentes ou luzes de computadores porque essa radiação é capaz de causar uma mancha escura no local da queimadura.____

Estas dicas só ajudam a evitar a mancha deixada pela queimadura e, por isso, não devem substituir o tratamento adequado da pele queimada.

Como tratar a pele queimada?

Depois que a queimadura já estiver cicatrizada, você precisará de cuidados diários. Dessa forma, você evitará cicatrizes e o surgimento de marcas na pele.

Veja agora o que fazer:

  • hidrate a cicatriz 2 vezes por dia;
  • faça massagem no local diariamente para melhorar a circulação e distribuir o colágeno;
  • não exponha a cicatriz ao sol;
  • beba 2 litros de água para hidratar a pele;

Além disso, estes truques podem ser utilizados para qualquer tipo de mancha escura na pele, complementando o tratamento com cremes clareadores, melhorando os resultados.

Há casos em que manchas e cicatrizes ainda serão visíveis. Nesse caso, você precisará de tratamentos químicos ou especializados, como:

O que fazer no caso de queimadura com água quente?

O processo é parecido com o que foi relatado acima.

O primeiro passo é tirar a fonte de calor, fazendo com que o contato com o corpo acabe.

Use gelo ou água gelada. Assim, a dor parará rapidamente, além de ajudar a lavar a queimadura, em caso de sujeiras.

Como tirar manchas de queimadura?

Mesmo realizando os processos indicados, você ainda viu alguma mancha de queimadura indesejada? Então, há procedimentos que ajudam a recuperar a sua pele.

Laser e Luz Pulsada

A fototerapia é uma das técnicas mais consagradas para tratamento de cicatrizes, incluíndo as de queimadura de segundo grau. No caso do laser, os resultados são mais rápidos e os riscos de complicações, menores. Utiliza-se o laser ablativo fracionado para provocar lesões microscópicas, que ajudam na regeneração da pele.

A Luz intensa pulsada, por outro lado, usa filtros para oferecer resultados interessantes quanto a discromia da cicatriz de queimadura, ou seja, a diferença da cor entre a pele queimada e a normal.

Cirurgias

Se a queimadura for mais profunda, o tratamento pode exigir cirurgia. Ela garante que o aspecto fique melhor, além de recuperar as funções normais da pele. Os principais tipos são:

  • Cirurgia de excisão
  • Enxerto de pele
  • Substitutos cutâneos.

Pomadas

Se você quer uma pomada que consiga clarear mancha de queimadura, a boa notícia é que elas podem ser tratadas dessa forma.

Para queimadura de primeiro grau, é possível usar pomadas como a Sulfadiazina de prata. Elas, normalmente, dão conta dos casos mais superficiais.

Mas se você ainda precisa de ajuda para marcas mais antigas, é mais interessante apostar nos clareadores. Um exemplo é a hidroquinona.

Quer saber mais sobre pomadas para queimaduras? Então, veja o texto que explicamos qual o melhor uso de cada uma.

Seja qual for o seu problema com queimadura, a melhor forma de se recuperar é agir imediatamente, evitar exposição ao sol e não atrapalhar as bolhas ou cascas que podem surgir.

Nós temos vários produtos que podem ajudar nesse processo. E como você chegou até aqui, vamos dar um presente.

Comentários