Você sabe o que é um Ultrassom Micro e Macrofocado?

Vamos falar um pouco sobre ultrassom Micro e Macrofocado? Quando se trata desse assunto, estamos falando da mesma onda de ultrassom do seu equipamento terapêutico, porém com particularidades, entre elas: frequência e forma da emissão.

Todas às vezes que falamos em frequência estamos falando da profundidade que essa onda pode atingir no caso corporal 2MHz (13mm), 3MHz (7mm), facial 4MHz (4,5mm), 7MHz (3mm), 10MHz (1,5mm);

E a emissão onde o próprio nome nos leva a entender que estamos falando de um feixe focalizado que poderá ser micro e macrofocado também é possível programar a distância entre esses pontos, bem como a velocidade e o tempo de disparo.

Efeitos fisiológicos do ultrassom Micro e Macrofocado:

Quando o equipamento efetua o disparo na região a ser tratado ele faz um PCT (ponto de coagulação térmica) segundo o cartucho escolhido esse efeito poderá ser nas Smas tecido aponeurótico que recobre a musculatura, resultando no que podemos chamar “lifting” não cirúrgico; na estrutura de epiderme e derme reduzindo as rugas e linhas de expressão aparentes onde podemos ver um rejuvenescimento imediato; por exemplo, no tecido adiposo causam necrose acarretando morte da celular adiposa e é possível ver uma remodelagem corporal de efeito cirúrgico conforme a composição corporal de alguns pacientes.

Os intervalos entre as sessões:

Para os tratamentos faciais, dizemos que após a avaliação do grau de envelhecimento:

GRAU I: 

Envelhecimento suave;

Discretas alterações pigmentares e poucas rugas.

GRAU II:

Envelhecimento moderado, rugas dinâmicas, discromias precoces, linhas nasolabial evidenciando-se.

GRAU III:

Envelhecimento rápido, discromia aparente, rugas estáticas.

GRAU IV:

Envelhecimento grave, pele desvitalizada, ceratose, rugas profundas

Seus resultados são progressivos, tendo o resultado nos 180 dias após a aplicação, sendo assim, é recomendável a aplicação 1 vez ao ano, a cada 3 meses ou a cada 6 meses segundo a avaliação do profissional.

O pico maior de neocolagênese é nos 3 primeiros meses, por isso caso houver necessidade, poderá ser reaplicado a técnica (conforme a avaliação do profissional).

Para os tratamentos com o intuito de trabalhar gordura o intervalo será a cada 30 dias, para tratamentos corporais para flacidez vamos avaliar o tecido e então seguiremos o mesmo padrão para procedimentos faciais.

A técnica não tem “downtime”, ou seja, pode ser feita em qualquer estação do ano, também podemos trabalhar em todos os fotótipos, o que abrange o nosso leque de clientes.

E qual é a diferenças do HERUS HIFU X HERUS HIFU 4D (ultrassom Micro e Macrofocado)?

O equipamento 4D nos traz a possibilidade de trabalho em uma maior área com os novos cartuchos com disparos de até 25 linhas podendo atingir até 300 pontos de PCT e a temperatura deve variar segundo a frequência, mas o equipamento possibilita atingir de até 60°C.

Para o profissional é sempre bom relembrar a anatomia da área a ser tratada, podemos citar algumas estruturas faciais onde chamamos áreas de riscos:

  • Ramo mandibular marginal
  • Ramo zigomático
  • Plexo infraparotídeo
  • Nervo supratroclear
  • Nervo trigêmeo
  • Ramo mandibular
  • Nervo facial
  • Nervo mentual
  • Ramos bucais
  • Ramo cervical
  • Nervo facial

Essa tecnologia e as informações contidas são frutos de estudos, nós priorizamos, entendemos e incentivamos a importância de buscar e passar informações seguras embasadas na ciência, mas passa-las de forma clara e objetiva.